12
Nov 09

 

Podia até tentar compreender, aliás o tipo de acontecimento é vulgar lá fora, mas isso é apenas uma vulgaridade das imensas que acontecem lá fora. Cá dentro pergunto o porquê de se assistir à memória do António, neste caso trata-se das suas memórias,  vendidas em leilão. O António e as suas variações mereciam melhor destino. Isto é apenas mais um pequenino desatino num país pequenino que desenha apenas pequeninos rumos.

publicado por carlosfreitas às 11:38

Engraçado no tempo dele ninguem queria saber dele..... diziam " É UM DOIDO VARRIDO UM BOBO DA CORTE "... bah ... Portugueses... enfim
Diogo a 12 de Novembro de 2009 às 18:21

Ainda lhe chamavam coisas piore do que isso. Ele desafiava o tempo, as pessoas, os paradigmas estabelecidos como poucos. Hoje está à venda. Enfim...
Abraço do tamanho do Universo Boss Farmer !
carlosfreitas a 13 de Novembro de 2009 às 01:08

eXTReMe Tracker
Carlos Freitas Almeida Nunes
pesquisar
 
pesquisar
 
arquivos
RSS
blogs SAPO