01
Out 09

Sou liberal na questão dos relacionamentos de cariz sexual entre Pessoas Adultas. No entanto não o sou quando leio ESTAS palavras, sejam elas verdadeiras ou não, pois sobe-me o asco á boca e apenas me apetece vomitar insanidades. O OCASO do catolicismo à muito que aconteceu. Vegeta entretanto em países envergonhados como o nosso. Onde a prevalência da Inquisição se prolongou por tempo demais ajudando, obscurecendo e consolidando o atraso estrutural e mental. Aquando da próxima vinda do chefe de estado do vaticano a Portugal, patrocinada pela Presidência da República, considerada um absurdo segredo de Estado, devia esta última instituição ter muito cuidado com quem convida a visitar o país. Dê-se o caso de não os deixar entrar. São corja do piorio, disfarçados de "éfebófilos" que costumam regurgitar, em nome das sagradas escrituras, "Deixai vir a mim as criancinhas" preferencialmente entre os 11 e os 17 anos. Espero que alguém, no interior da hierarquia católica portuguesa, tome uma posição que repudie estes abusos entre os seus pares. Creio que Portugal não está isento destas acções. Durante o PREC não tiveram pejo em afirmar que eram os comunistas que comiam crianças, no fim de contas acusavam, no interior do povo católico, mas muito pouco praticante, distraindo-os de outras realidades. Mentiam. Eram (são) eles que andavam (andam) a comer crianças ou adolescentes, como queiram. UMA CORJA DE PARASITAS.

publicado por carlosfreitas às 15:03

eXTReMe Tracker
Carlos Freitas Almeida Nunes
pesquisar
 
pesquisar
 
arquivos
RSS
blogs SAPO