06
Jun 09

                                                                         Foto

Esta coisa de ser um aprendiz de feiticeiro implica, como chamou aos seus colegas, Marc Bloch, se não estou em erro, tal como ele nos explica logo no início de uma das obras fundamentais para os que querem ser aprendizes desta feitiçaria, obra que em português recebeu o titulo de  "Introdução à História" que a História me distrai. Começa o livro com uma (aparentemente inocente) pergunta: "Pai, para que serve a História". No fundo, como nos explica o historiador francês, esta pergunta feita por uma criança ao seu pai, vai coloca um dos mais pertinentes problemas da História : o da legitimidade. É nesta questão que a memória dos sítios das gentes é algo que ao ser preservada os e as preserva dos que não possuem memória e a não pretendem reconhecer, nem dar a conhecer. Não se vive do passado. Vive-se com o passado e os historiadores tem por costume fazer-lhe perguntas. A foto, que encima este arrazoado de palavras, é uma foto virtual retirada do site do porto de Liverpool. Tem como significado um futuro projecto de aproveitamento de um terminal ferroviário naquele porto. Apenas isso. E para que serve aqui um preanuncio do futuro em Inglaterra se estou a falar de passado da Figueira da Foz. Cá por coisas. Apenas para dizer que foi o Porto da Figueira da Foz o primeiro porto nacional a ser servido no seu interior por uma linha ferroviária. Provavelmente existem muitos figueirenses que ainda se recorda desse facto. O hoje desaparecido Trapiche era atravessado por uma linha ferroviária. Existem outros figueirenses que sabem igualmente, por ser facto mais recente, que foi o Porto da Figueira da Foz o primeiro na região central do país a receber, de novo, uma moderna linha férrea. Basta olhar para o seu interior e verificar esse facto. E esse devia ser motivo de orgulho para os figueirenses e para as suas forças vivas: a uma utilização eficaz desta infra-estrutura seria uma mais valia para a cidade do futuro e não apenas para o seu porto de hoje.


eXTReMe Tracker
Carlos Freitas Almeida Nunes
pesquisar
 
pesquisar
 
arquivos
RSS
blogs SAPO