15
Jan 09

 

Assim, de repente, encontrei quatro mandamentos sobre casamento. No fim dirão que são apenas pequenos mandamentos, outros dirão que é mais um chorrilho de mandamentos, para mim são mandamentos.

Primeiro mandamento:Nunca casar ao abrigo de qualquer religião. Nem mesmo por tradição.

Segundo mandamento:Não procurar casar com abadessa, madre-superiora ou freira, porque não dá jeito nenhum. O conselho deve-se à impossibilidade levantada pelo facto de estas, por um lado, obedecerem ao celibato, por outro, estarem à partida casadas, algo que, no seu conjunto, é assunto absolutamente sobrenatural e que aborta à partida qualquer tentativa.

Terceiro Mandamento: Mesmo que as benesses (benesse é doação em dinheiro obtida por um padre) concedidas ao homem/marido na cultura muçulmana sejam superiores e diferentes das que existem na cultura ocidental, caso, alguns de vós, se queira tornar, por via desse facto, num bom muçulmano, deve abdicar de todas elas em favor da igualdade entre homem e mulher. Adenda ao Terceiro Mandamento: Que, como se sabe, é factor que não existe em nenhuma religião ou seita religiosa.

Quarto Mandamento: Quem não se apercebe de tal coloca a chinela arcebispal na argola.

publicado por carlosfreitas às 23:21

eXTReMe Tracker
Carlos Freitas Almeida Nunes
pesquisar
 
pesquisar
 
arquivos
RSS
blogs SAPO