31
Jul 08

 

 

 Ás binte horas Etelbina. Oubis-te? Não, num é por causa da telenobela.

 

Afinal foi. Por causa de uma telenovela. Esta institucional e política. Um país não deve ser tratado desta forma, apesar do respeito que me merece o mais alto representante do Estado Português, parece-me que existiu falta dele. Mesmo que os motivos sejam, na óptica do Presidente da República, ponderosos. Não era disto que o comum dos mortais estava à espera. Mas à espera de quê? Ora. Ora.

publicado por carlosfreitas às 23:13

eXTReMe Tracker
Carlos Freitas Almeida Nunes
pesquisar
 
pesquisar
 
arquivos
RSS
blogs SAPO